Sindicatos e Governo do Estado ainda não chegaram a um acordo e nova reunião é marcada para próxima semana

Sindicatos e Governo do Estado ainda não chegaram a um acordo e nova reunião é marcada para próxima semana

Postado em: 11 de abril de 2016

Sindicatos e Governo do Estado ainda não chegaram a um acordo e nova reunião é marcada para próxima semana

Em mais uma rodada de negociação com o governo do Estado, nesta segunda-feira (dia 11), por meio do Fórum Dialoga, os representantes dos sindicatos e o Executivo não chegaram a um acordo quanto a reposição de perdas inflacionárias deste ano. Os sindicalistas presentes rejeitaram por unanimidade a proposta de abono salarial de R$ 200 por mês.

Cada sindicato entregou uma contraproposta que será discutida novamente pela equipe do governo do Estado e uma nova proposta que não comprometa as finanças estaduais deve ser apresentada na próxima segunda-feira, 18 de abril. Mas, segundo o secretário de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel, incorporar esse valor por igual de abono salarial é impossível por causa do impacto nas tabelas das carreiras e na folha de pagamento.

O Sigeasfi-MS participou da reunião e defendeu a contraproposta apresentada pela Feserp: reajuste salarial de 13,65% e gratificação mensal no valor de R$ 500.

“Foi aberto diálogo para que todos manifestassem suas opiniões, porém aguardamos um avanço para a carreira de fiscalização e defesa sanitária, uma vez que a defasagem é muito grande com relação as demais carreiras”, comentou a presidente do Sigeasfi-MS, Luiza Coutinho. De acordo com Luiza, o secretário Eduardo Riedel confirmou a negociação específica de imediato, iniciando com aquelas de maior defasagem salarial.

 

Por: Assessoria de Comunicação

Foto: David Majella/Sad