Sigeasfi apresenta propostas da categoria aos candidatos das Eleições 2018

Sigeasfi apresenta propostas da categoria aos candidatos das Eleições 2018

Postado em: 18 de setembro de 2018

Sigeasfi apresenta propostas da categoria aos candidatos das Eleições 2018

A diretoria do Sigeasfi tem se reunido com os candidatos das Eleições 2018, com o objetivo de dialogar e encaminhar propostas da categoria para fortalecimento da carreira Fiscalização e Defesa Agropecuária de Mato Grosso do Sul.

O primeiro encontro ocorreu no dia 11 de setembro, com o candidato Enelvo Felini (PSDB), que é deputado estadual e busca reeleição. O parlamentar ouviu as ideias, sugestões e reivindicações para melhorar as condições de trabalho dos servidores da Iagro.

Na oportunidade, os dirigentes do Sigeasfi destacaram ainda a necessidade de maior reconhecimento desses servidores que exercem importante trabalho em prol da defesa agropecuária do Estado.

Segundo a presidente do Sigeasfi, Luíza Coutinho, o candidato se comprometeu a trabalhar cada ponto dos ajustes necessários para a melhoria da carreira. “Por já ter vivido e trabalhado no meio rural, inclusive como presidente da Agraer, Enelvo disse que conhece os problemas que esse setor enfrenta e se colocou como um importante aliado no trabalho para alcançar a valorização da categoria”, ressaltou.

Candidatos ao governo

Outro encontro aconteceu no dia 13 de setembro, com o candidato ao Governo do Estado, o juiz aposentado Odilon de Oliveira (PDT). Foram duas reuniões com o candidato. Nessa última, Odilon se mostrou sensível à realidade do setor agropecuário e ouviu as ponderações e reivindicações do Sigeasfi.

O candidato disse que, além de dar prioridade aos setores da educação, saúde, segurança pública e outros setores indispensáveis ao Estado, a Iagro e Agraer receberão uma atenção especial, pela importância da valorização desse setor para o desenvolvimento do Estado.

Odilon também assumiu o compromisso de fortalecer a carreira de Fiscalização e Defesa Agropecuária e criticou a forma como o atual Governo vem tratando os servidores públicos, que são os alicerces do Estado.

Ainda no dia 13, a diretoria do Sigeasfi e do Sinterpa apresentaram as demandas dos servidores referente a salário e melhores condições de trabalho ao candidato ao Governo do Estado, Marcelo Bluma (PV). Os dirigentes falaram sobre os gargalos que fazem com que a categoria fique, cada vez mais, desmotivada com o futuro do setor agropecuário.

“Mesmo sabendo dos alcances que este setor vislumbra para os próximos cinco anos, incluindo o status livre de febre aftosa sem vacinação, para 2023, ressaltamos para o candidato que, para um Estado mais justo, mais igualitário e com economia forte, é preciso primeiramente valorizar os servidores que estão trabalhando na linha de frente”, explicou a presidente do Sigeasfi.

Marcelo Bluma afirmou que está aberto às reivindicações e acentuou que conhece a fundo as questões salariais das categorias.

Texto e fotos: Sigeasfi