Servidores estaduais recebem 13º salário em 18 de dezembro

Servidores estaduais recebem 13º salário em 18 de dezembro

Postado em: 28 de novembro de 2018

Servidores estaduais recebem 13º salário em 18 de dezembro

O pagamento do décimo terceiro salário do funcionalismo público estadual será depositado no dia 18 de dezembro. A remuneração extra de servidores ativos e inativos, segundo a Secretaria de Estado de Fazenda (Sefaz), representa R$ 360 milhões.

A data do pagamento foi revelada pelo governador Reinaldo Azambuja nesta quarta-feira (28) em encontro que reuniu na governadoria os secretários estaduais de Governo e Gestão Estratégica, Eduardo Riedel; de Administração e Desburocratização, Carlos Alberto de Assis; de Fazenda, Guaraci Fontana; e de Desenvolvimento Econômico, Jaime Verruck. Representantes do comércio e dos servidores públicos também acompanharam o anúncio.

A presidente do Sigeasfi-MS, Luíza Coutinho, estava presente na solenidade. “Muito importante o Governo do Estado divulgar aos servidores e à sociedade, principalmente ao comércio, o calendário de pagamentos desses últimos meses de 2019. Com isso, o servidor pode se organizar, fazer as programações de gastos de final de ano e para aquelas principais despesas de início de ano, como materiais escolares de filhos, IPVA e IPTU”, disse a presidente do sindicato.

Três salários em 35 dias

Reinaldo Azambuja adiantou ainda que os salários do mês de novembro serão pagos no próximo dia 30. Já os vencimentos de dezembro serão depositados na primeira semana de janeiro de 2019. “Em 35 dias vamos depositar três folhas que representam R$ 1,590 bilhão. Vamos terminar o mandato cumprindo religiosamente com os pagamentos dos servidores”, observou ele. “Em anos difíceis da economia conseguimos pagar em dia”, emendou.

Para a presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Servidores Públicos da Administração do Estado (Sindsad-MS), Lílian Fernandes, o cronograma de pagamentos das remunerações atende as expectativas do funcionalismo público estadual. “Nosso sentimento é de reconhecimento. Sabemos que a situação do país está difícil. Agora, os servidores podem ter acesso ao calendário e se organizar para o fim do ano”, afirmou.

Com informações da Subsecretaria de Comunicação do Governo de MS (Bruno Chaves/ Subcom)
Crédito da Foto: Chico Ribeiro/Comunicação do Governo de MS