Nota de Repúdio sobre aprovação da Reforma da Previdência de Mato Grosso do Sul

Nota de Repúdio sobre aprovação da Reforma da Previdência de Mato Grosso do Sul

Postado em: 30 de novembro de 2017

Nota de Repúdio sobre aprovação da Reforma da Previdência de Mato Grosso do Sul

O Sigeasfi vem a público repudiar a Reforma da Previdência de Mato Grosso do Sul aprovada por 13 deputados estaduais no último dia 28 de novembro, bem como a maneira que os servidores públicos foram tratados na Assembleia Legislativa, a casa do povo.

O governo do Estado encaminhou o Projeto de Lei 253/2017 sem ouvir ou discutir as propostas com as entidades que representam o funcionalismo público, demonstrando autoritarismo e desrespeito com os seus trabalhadores. E com a mesma atitude, os deputados aprovaram a proposta do Executivo sem se preocupar com o futuro dos servidores e com os seus eleitores, já que foram eleitos para representar o povo e não os interesses do governo.

O Sigeasfi repudia também a forma que os servidores públicos foram tratados no dia da votação da reforma, sendo impedidos de participação da sessão e ainda foram recebidos com bomba de efeito moral pela PM. Os funcionalismo público só queria ter o direito de se manifestar.

Este sindicato lamenta profundamente toda essa situação e reforça o compromisso de continuar na luta, ao lado das demais entidades, pelos direitos dos servidores públicos estaduais.

Foto: Wagner Guimarães/ALMS