Iagro reforça fiscalização para garantir cumprimento do vazio sanitário da soja em MS

Iagro reforça fiscalização para garantir cumprimento do vazio sanitário da soja em MS

Postado em: 25 de julho de 2017

Iagro reforça fiscalização para garantir cumprimento do vazio sanitário da soja em MS

Nos primeiros trinta dias de período de vazio sanitário, pelo menos 17% da área onde houve o cultivo de soja em Mato Grosso do Sul, na última safra, já foi fiscalizada pela equipe da divisão de Defesa Sanitária Vegetal da Iagro.

Buscando verificar a ocorrência de plantas voluntárias ou guaxas, que podem disseminar a ferrugem asiática nas lavouras de soja, ou ainda o plantio de soja no período destinado ao vazio, o grupo já verificou mais de 440 mil hectares, em cerca de 1.272 propriedades do Estado.

Na área verificada até o momento, segundo Filipe Portocarrero, chefe da Divisão, foram realizadas 13 autuações por existência de plantas voluntárias e 21 autuações por falta de cadastro da área. Portocarrero acredita que a equipe cobrirá 75% da área plantada na última safra até o final do período de vazio sanitário, que termina dia 15 de setembro.

Vazio Sanitário

Este ano vazio sanitário teve início em 15 de junho e vai até o dia 15 de setembro. O cadastramento das áreas onde será feito o seu cultivo vai até 10 de dezembro.

O vazio sanitário é o período em que é proibido o cultivo e obrigatória a ausência de plantas vivas de soja, em qualquer fase de desenvolvimento. Sem a soja para se alimentar e reproduzir, o fungo da ferrugem asiática é extinto. Essa é a maneira mais eficaz de combater a praga.

Texto e foto: Assessoria da Iagro